Prefeitura de Irati entrega equipamentos para produtores de uva

Foram entregues roçadeiras, bombonas, atomizadores costais e outros materiais adquiridos em parceria com o Governo…

06 de fevereiro de 2024 às 21h32m

Foram entregues roçadeiras, bombonas, atomizadores costais e outros materiais adquiridos em parceria com o Governo do Estado, através do programa Revitis/Paulo Sava, com informações da SECOM

Prefeitura de Irati entregou equipamentos para produtores de uva na manhã desta terça-feira, 06. Foto: Secom

A Prefeitura de Irati entregou na manhã desta terça-feira, 06, no Centro de Processamento de Alimentos (CPA), que fica nos fundos da Feira do Produtor Iratiense, equipamentos para mais de 15 produtores de uva do município.

Entre os equipamentos, foram entregues 05 roçadeiras, 17 bombonas de decantação do vinho, 11 atomizadores costais motorizados, facilitando a aplicação de defensivos, uma desengaçadeira, equipamento que pega a uva e separa tudo o que é do cacho e grão e mói o fruto para fazer suco, além de cordoalhas. Anteriormente, já haviam sido entregues 7600 mudas de uva, palanques, arames e caixas.

Os materiais foram adquiridos em parceria entre o município e o Governo do Estado, através do Programa de Revitalização da Viticultura Paranaense (Revitis), que busca estimular a produção de uvas e derivados no Paraná. O valor investido foi de R$ 323 mil, sendo R$ 300 mil do Governo do Estado e R$ 23 mil de contrapartida do município. Entretanto, o montante ficou abaixo do que havia sido anunciado em julho pelo secretário de Estado da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, em visita a Irati, que foi de R$ 326 mil.

Roçadeiras entregues para os produtores. Foto: SECOM

Em contato com nossa reportagem, o secretário de Agropecuária, Abastecimento e Segurança Alimentar, Raimundo Gnatkowski, destacou que um outro projeto será aberto para as pessoas que queiram trabalhar com produção de uva em breve.

“Então fica aberto, aquelas pessoas que queiram trabalhar com uva, que procurem a Secretaria da Agricultura e peguem maiores orientações. Temos o nosso engenheiro agrônomo Antoninho (Antônio Sidnei Martins). Estamos à disposição para orientar e, fechando este novo grupo, encaminharemos um plano de trabalho para a liberação destes recursos e fazermos o atendimento daquelas pessoas que já mexem com uva e querem ampliar a sua videira ou daqueles que querem começar um pomar, estamos à disposição”, pontuou.

Raimundo destacou a qualidade da produção de uva e derivados, como o vinho e o suco, no município. “Nós compramos mais de 9 mil litros de suco de uva somente para o PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar). Irati compra para a merenda escolar, então tem um potencial de comércio somente nesta parte de compra institucional do PNAE, imagine só todo o comércio para atender. É a diversificação que vem acontecendo no município de Irati”, frisou.

Quer receber notícias pelo WhatsApp?

Atomizador costal. Foto: SECOM

Alternativa de renda – Em nota enviada pela Secretaria de Comunicação (SECOM), a vice-prefeita Ieda Waydzik, destacou que a produção do vinho e do suco de uva é uma alternativa de renda para os produtores do município. “A produção do vinho e do suco de uva é uma boa alternativa de trabalho, de transformação da produção. Ficamos felizes em ver nossos produtores, que têm muita qualidade em seus vinhos e sucos, levando o nome de Irati a tantos outros lugares”, comentou Ieda.

Os produtores acreditam que os materiais serão úteis para a produção. “Estou no ramo há muito tempo, nos últimos anos temos recebido muito incentivo na produção, eu mesmo já recebi caixas, mudas, palanques e agora vêm chegando mais equipamentos ainda, que nós não teríamos condição de investir”, apontou o produtor Pedro Parteka.

Tiago Filtrin, produtor de uva há seis anos, falou sobre a importância dos equipamentos para os fruticultores. “Eu tenho uma área pequena, meus pais iniciaram e eu dei sequência no trabalho e sem o investimento da gestão através dos programas nós produtores não teríamos condição de arcar com os custos dos equipamentos, e agora com certeza eles vão ser muito bem empregados na propriedade e nos auxiliar muito”, afirmou Tiago.